Bibliotecas de Campos do Jordão – Feliz a cidade que conta com uma Biblioteca do Centro Universitário Senac

Quando caminhamos, ou passamos de carro pelas pequenas estradas fora das áreas urbanas, é comum vermos alguma árvore carregada de frutos. Uma laranjeira, por exemplo. Olhamos para os galhos e para as dezenas de laranjas sumarentas que parecem chamar por nós. Ao vermos uma cerca, desistimos de aproveitar o que a natureza está nos oferecendo. Mas, e se no final dessa cerca houvesse nada mais que uma passagem, um portão aberto que nos desse acesso livre a esse pedaço do paraíso? Isto é o que acontece com a Biblioteca do Centro Universitário Senac de Campos do Jordão. Por estar localizada dentro de um campus universitário, olhamos para a “cerca” e desistimos de entrar, sem saber que seremos recebidos de braços abertos nesse atraente e apetitoso pomar do conhecimento. Pois qualquer pessoa pode visitar, consultar, ler ou assistir no local um dos 13.000 itens dessa saborosa coleção.

“É de interesse que a comunidade venha e conheça, teremos enorme prazer em recebê-los”, diz com simpatia Iara Cristiane Farias dos Santos, Coordenadora Administrativa.

 

O átrio, área externa à Biblioteca, utilizada para estudos em grupo
O átrio, área externa à Biblioteca, utilizada para estudos em grupo
O simpático pote com frases inspiracionais.
O simpático pote com frases inspiracionais

Logo na chegada encontramos o sorriso de Rosilene de Moura da Silva, Auxiliar de Biblioteca e vemos, no balcão da recepção, um pote de vidro onde podemos sortear uma frase inspiradora para o dia. E a partir daí, mergulharmos nas mais variadas áreas de interesse.

Mais da metade do acervo da unidade está centrada em gastronomia e hotelaria, que são os principais focos de estudo do Centro Universitário. Mas há também livros de fotografia, marketing, administração, arte, histórias em quadrinhos e literatura.

Há livros de várias editoras e muitos títulos do fascinante catálogo da Editora Senac. Cácio Luís da Silva, Coordenador de Educação Profissional e Relacionamento, relata um fato curioso, que mostra o profissionalismo, a responsabilidade e os cuidados desta instituição: os livros produzidos especialmente para atender necessidades de estudo dos alunos. Quando não há bibliografia para algum curso novo, o Senac contrata profissionais e edita um ou mais títulos sobre o assunto. Foi o que ocorreu quando foi criado o curso de sommelier de cervejas, num momento em que não havia livros disponíveis sobre o assunto no Brasil. Ou em odontologia, especificamente em periodontite, o que fez com que os livros do Senac se transformassem numa referência sobre o tema.

Há 56 bibliotecas do Senac no estado de São Paulo que, juntas, formam um acervo de 500.000 livros – um número respeitável, superado apenas por poucas bibliotecas oficiais no país. Os alunos podem, por exemplo, retirar um livro no campus de uma cidade e devolver em outra. E se um aluno de Campos do Jordão precisar de um livro que faz parte do acervo de qualquer outra biblioteca da rede, é possível requisitar e, em alguns dias, a publicação estará em suas mãos.

Livro editado pelo Senac para atender a bibliografia de um novo curso
Livro editado pelo Senac para atender a bibliografia de um novo curso

Os livros podem ser retirados por alunos matriculados. Mas se outras pessoas da comunidade também quiserem retirar livros para ler em casa, basta fazer a inscrição e pagar uma taxa, cujo valor varia conforme o tempo de validade, que vai de um mês a um ano. Mas é possível afirmar que, mesmo com o pagamento, se fizermos a retirada de um único livro por mês, faremos um ótimo negócio, assegurando uma boa economia para nossos bolsos.

A biblioteca está tecnologicamente adiantada e não utiliza mais cartões para os livros, pois todo o sistema está digitalizado. E após o cadastramento, o acesso à biblioteca é feito por biometria.

Como parte de um programa de incentivo à leitura, três vezes por ano há feiras de troca de livros, bem como leituras de histórias para crianças da rede municipal de ensino.

Há uma grande quantidade de vídeos, composta por filmes de lazer ou técnicos, que podem ser assistidos por qualquer pessoa numa das inúmeras tevês à disposição do público. Ou seja, perfeito para aprender ou para um bom programa de lazer.

A biblioteca do Centro Universitário Senac de Campos do Jordão tem também diversos computadores que podem ser utilizados para pesquisa. Seu uso é restrito a alunos. Porém, idosos e pessoas com deficiência tem acesso liberado.

Mas o Senac de Campos do Jordão tem mais ainda a oferecer. Cácio explica o que é o Programa Senac de Gratuidade e convida todos a participar e divulgar. Nele, é possível fazer, sem custo algum, cursos de iniciação (com duração aproximada de 160 horas) em diversas áreas. A programação do Senac muda trimestralmente e vale muito a pena ficar de olho.

Em resumo, os benefícios que você pode usufruir gratuitamente do Senac de Campos do Jordão e sua biblioteca, são: acesso livre para leitura no local, de todos os livros, revistas e jornais da unidade; assistir nas TVs disponíveis, qualquer filme do catálogo de vídeos de lazer ou técnicos; fazer os cursos do Programa Senac de Gratuidade; para idosos e pessoas e pessoas com deficiência, acesso aos computadores. Pagando uma taxa de inscrição, retirar os livros para ler em casa.

A Biblioteca do Centro Universitário Senac de Campos do Jordão tem um amplo horário de funcionamento e abre inclusive aos sábados (9-14h). Que tal aproveitar para conhecer com calma no próximo fim de semana? Amplie seu mundo com um ótimo programa de cultura e lazer ao alcance de todos.

Biblioteca do Centro Universitário Senac Campos do Jordão
Avenida Frei Orestes Girardi, 3549 (junto ao Grande Hotel)
Telefone: (12) 3668-3001
Horário: 2ª a 6ª, das 8 às 21:30h; sábado, das 9 às 14 h
www.sp.senac.br

 

Curta a pagina dos Amigos da Biblioteca de Campos do Jordão no Facebook

Carlos abreu é do grupo ABCJ – Amigos da Biblioteca de Campos do Jordão, é membro efetivo da Academia de Letras de Campos do Jordão e vice-presidente da AMECampos
Carlos Abreu é do grupo ABCJ – Amigos da Biblioteca de Campos do Jordão, é membro efetivo da Academia de Letras de Campos do Jordão e vice-presidente da AMECampos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

This post will expire on Thursday December 3rd, 2015 – 2:27pm.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!