FLIMA – Festa Literária Internacional da Mantiqueira acontece de 18 a 21 de março

A escritora Lygia Fagundes Telles será homenageada neste ano.

Acontece de 18 a 21 de março a FLIMA – Festa Literária Internacional da Mantiqueira, uma iniciativa cultural independente que, desde 2018, desenvolve atividades de difusão de literatura, formação de leitores e promoção do livro em quatro cidades da Mantiqueira paulista: Campos do Jordão, Monteiro Lobato, São Bento do Sapucaí e Santo Antônio do Pinhal. As duas primeiras edições da festa, em 2018 e 2019, foram realizadas com recursos obtidos via financiamento coletivo (sem leis de incentivo ou apoio de editais). Foram cerca de 200 atividades e 20 mil participantes.

Em 2021, a festa terá duas edições de quatro dias cada. A primeira 100% online, de 18 a 21 de março e a segunda, com possível formato híbrido, de 19 a 22 de agosto. As duas edições de 2021 foram contempladas em editais do ProAC, sendo que a edição de março será viabilizada com recursos do ProAC Expresso Lei Aldir Blanc.

Lygia Fagundes Telles será homenageada

Lygia-Fagundes-Telles
Festa Literária Internacional da Mantiqueira – FLIMA homenageia Lygia Fagundes Telles

A Flima Online 2021, homenageará a escritora Lygia Fagundes Telles. Haverá uma programação especial em torno da autora e sua obra, com depoimentos de escritores de três gerações sobre a influência de Lygia na produção literária brasileira; uma conversa sobre a relevância e a atualidade de seus contos e romances; e um encontro com tradutores de seus livros que abordarão aspectos de linguagem e a recepção de Lygia na França, nos Estados Unidos e na Sérvia. Além de mesas de debates, a homenagem inclui uma mini mostra de cinema com documentários sobre Lygia e filmes baseados em seus contos e romances.

Entre os destaques da programação audiovisual estão o documentário “Narrarte” (1990), dirigido por Goffredo Telles Neto, único filho de Lygia, e o curta-metragem “A barca” (2019), de Nilton Resende, também escritor e professor universitário, grande especialista na obra de Lygia. Selecionado para 52 festivais em 17 países, e inédito nos cinemas, o curta é uma adaptação do famoso conto “Natal na barca”, publicado pela primeira vez em “Histórias do desencontro” (1958) e que integra “Antes do Baile Verde”, de 1970, um dos mais importantes livros de contos de Lygia.

Também será disponibilizada uma seleção de conteúdo em formato de playlists temáticas, no canal da Flima no YouTube. A primeira seleção já está no ar e reúne depoimentos e entrevistas marcantes de Lygia, como o Roda Viva, da Tv Cultura, de 07/10/1996, com a participação dos escritores Ignácio de Loyola Brandão, Ana Miranda e José Castello, e dos jornalistas Claudiney Ferreira e Rinaldo Gama, editor dos Cadernos de Literatura Brasileira, do Instituto Moreira Salles, que dedicou sua quinta edição à obra de Lygia. Outros destaques incluem “Encontros de Interrogação #4”, realizado pelo Itaú Cultural, de 07/09/2011 e o depoimento de Lygia para a série “O escritor por ele mesmo”, do Instituto Moreira Salles, de maio de 1997.

Além da programação em homenagem a Lygia Fagundes Telles, a Flima Online 2021 terá oito mesas de debate com escritores, poetas, jornalistas, acadêmicos e quatro performances poético-musicais. Em paralelo à programação adulta, e em horários não coincidentes, a Fliminha realizará dez atividades para crianças, famílias e educadores com autores, ilustradores, contadores de história, músicos, educadores e pesquisadores de literatura e infância. Entre os convidados da programação adulta e infantil, há autores de Portugal, do Chile e dos Estados Unidos. Em breve a programação completa será divulgada.

Sobre Lygia Fagundes Telles

Nascida em São Paulo, em 1923, começou a publicar ainda na adolescência – seu primeiro livro foi “Porão e Sobrado” (1938). A partir do romance “Ciranda de Pedra” (1954), que marca o início de sua maturidade literária, construiu uma obra potente com contos e romances de carpintaria refinada elogiados pela crítica e amados pelos leitores. Membro da Academia Brasileira de Letras desde 1985, recebeu diversos prêmios, entre eles o Camões, em 2005, pelo conjunto da obra. Lygia foi indicada ao prêmio Nobel de Literatura, pela União Brasileira de Escritores, em 2016.

Site: https://www.flima.net.br

 

 

This post will expire on Sunday March 21st, 2021 – 5:07pm.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

Redação do portal Guiacampos.com - Campos do Jordão na Internet