Numa vitória da população, dois anos e meio após ser abraçado, Parque do Cedros começa a ser revitalizado

Foto: Paulo Lobo

Dois anos e seis meses após ser abraçado simbolicamente pela população de Campos do Jordão, através de um movimento liderados pelos Escoteiros e com apoio da AMECampos – Associação dos Amigos de Campos do Jordão, Polícia Militar e diversas outras organizações da sociedade civil, o Parque dos Cedros começou nessa semana a passar pelo processo de Reurbanização.

As cessões de espaços no parque que haviam sido feitas à organizações foram revogadas pela Câmara dos Vereadores há alguns meses, com exceção do que já tinha sido edificado como a Sede do Grupo de Escoteiros e da ACE – Associação Comercial de Campos do Jordão.

O projeto prevê no espaço um parque infantil com balanços, gangorras, escorregadores, além de outros brinquedos. Uma academia ao ar livre será instalada e haverá ainda um local que será reservado para uma pista de bicicross para iniciantes que será construída futuramente. e segundo o Secretário Adjunto de Serviços Públicos Tadeu Sales o Espaço será um parque gramado e feito para a população.

Revitalização do Parque dos Cedros
Projeto de Revitalização do Parque dos Cedros

Serão instalados ainda bancos de concreto, visando facilitar e promover o uso do local.

O parque foi implantado entre o final da década de 1910 e inícios dos anos 20. O nome é uma referência aos Cedros abundantes na praça. Algumas destas árvores serão plantadas novamente e as demais receberão um cuidado especial.

Segundo José Gonçalves, morador vizinho ao Parque, “A área pertencia à G.Lunardelli S/A, antiga proprietária da atual Chácara Campos do Jordão, hoje de herdeiros de Jayme Watt Longo, vizinha do Parque, cuja empresa a transferiu para a Sra. Gessy Loeb. Inicialmente denominado Parque Gessy Loeb, posteriormente Parque dos Cedros e durante um certo período Parque São Francisco, voltando a se chamar Parque dos Cedros. Durante muitos anos foi local de lazer e pratica esportiva, cercada, com brinquedos e espaço para caminhadas. Me lembro muito bem dos monitores, Sr. Toninho Guedes, Dna Antonia, carinhosamente chamada de “Dna Antônia do Parque”, Cristina Rios e o Sr. Jagobo. Por um bom tempo o Parque ficou abandonado à merce de vândalos, ponto de drogas e atos imorais.”

Nota do Editor

Talvez seja essa a maior vitória da população de Campos do Jordão no que tange a espaços públicos e áreas verdes e o mérito é indiscutivelmente dessa população que se manifestou de forma organizada e pacífica, ainda antes das ultimas eleições (outubro de 2012) e com isso chamou atenção das autoridades. O Ministério Público também fez a parte dele, embargando as obras até que a solução ideal surgisse.

 

 

This post will expire on Tuesday May 12th, 2015 – 3:18pm.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

Fundador do Guiacampos.com, apaixonado por Campos do Jordão.

Leave a Comment