Nelson Ladeira uma enciclopédia dos anos dourados do esporte jordanense

Momentos de Glória do Nosso Esporte

Alguns anos atrás, tive a oportunidade de publicar o contexto desta matéria que agora, permitam-me, vou reprisá-la, atualizando alguns tópicos e inseri-la nesta minha coletânea.

Clube Jordanense de Futebol de Salão - Mirim  1979 – Agachados:  Beto,  Douglas, Harumi,  Teco Ain,  Andre Pinheiro,  Adilson. Em pé:  Ladeira,  André,  Luizão, Ademir,  Nê Myra,  Marchinho,  Wilson  e Faria.
Clube Jordanense de Futebol de Salão – Mirim 1979 – Agachados: Beto, Douglas, Harumi, Teco Ain, Jair K. J. Pinheiro, Adilson. Em pé: Ladeira, André, Luizão, Ademir, Nê Myra, Marchinho, Wilson e Faria.

Nelson Ladeira, sem dúvida, além de ter sido um dos grandes e ilustres esportistas do passado, é uma enciclopédia do esporte jordanense.

Ele tão bem soube administrar uma das mais nobres heranças recebidas de seu pai Armando Ladeira: o amor e a dedicação plena ao esporte, voltados para as crianças e jovens, colaborando assim para a formação daquela geração que viveu, juntamente com ele, aqueles anos dourados do esporte de nossa querida Campos do Jordão.

Seu curriculum é invejável, por isso me sinto no dever de transcrevê-lo na integra, para que, com méritos sem dúvida, possa figurar para sempre nos anais da historia dos Momentos de Glória do Nosso Esporte o nome de Nelson Ladeira, pela participação, colaboração, dedicação e amor ao esporte como um todo,

Ladeira, um dia assim se expressou a este colunista:

“O esporte de quadra de Campos do Jordão teve um hiato de mais ou menos de  10 anos na década de 70. 

Esse hiato aconteceu porque tínhamos somente uma quadra para a prática de Volei, Basquete e Futsal, localizada ao lado do atual Estádio Municipal, em espaço aberto.

Ela foi destruída por um caminhão que transportava material para a construção do atual Centro Esportivo “Armando Ladeira” e as autoridades  da época não a consertaram, dizendo que o Ginásio logo estaria pronto. 

Foi um desastre para a mocidade da época. Houve outros motivos, que não me cabe agora relacionar,

Somente com o término do Centro Esportivo Armando Ladeira”  que o esporte de quadra voltou,  

O ano de 1979 até junho de 1981 em Campos do Jordão foi um período muito bom para o Futsal, pena que não teve continuidade. 

Com esse tempo todo parado, estávamos na década de 80, com jovens veteranos acima de trinta anos e mocidade iniciando a prática do esporte de quadra.

Por esse motivo nós, praticantes de esporte, tivemos duas épocas, uma antes outra após a conclusão do Centro Esportivo.”

Do seu curriculum consta que :

Em 1957, com 14 anos, passou integrar as Seleções das modalidades Basquete, Volei e Atletismo, para não mais sair.

Eduardo Neme Nejar – o Dudu, Efraim, Homero, e Nelson Ladeira, participaram todos de seleções, na mesma época, em que o técnico era o Hermes de Figueiredo.

Integrou a Seleção Jordanense de Volei no “Troféu Bandeirantes”  na data de 03/04/1960, de cuja seleção de vôlei, Nelson Ladeira ficou até os 38 anos 1981.

Marcante também foi a sua presença na Seleção Jordanense de Basquete no “Troféu Dr. Fausto Camargo” na data  de 07/09/1960.

Nelson Ladeira integrou a Seleção de Basquete até os 30 anos 1972.

No 1º Campeonato Jordanense  de  Futsal Juvenil, em 1960, Ladeira, jogando pelo Grêmio Estudantil foi campeão e no 2º Campeonato em 1961,  jogando pelo E.C. Dínamo foi Bi-campeão.

Conquistou sua primeira medalha nos Jogos Estudantis Regionais do Vale do Paraíba, em 1956, na cidade de Caçapava, quando tinha 13 anos e o segundo lugar, na modalidade de Salto de Altura com 1,55 m.

Já no Atletismo, em 1968 nos Jogos Regionais do Vale do Paraíba e Litoral Norte, na Cidade de Pindamonhangaba, representando Campos do Jordão, subiu ao pódio ocupado o 2º lugar, no arremesso de Dardo.

Em 1969 – nos Jogos Regionais do Vale do Paraíba e Litoral norte, na Cidade de Volta Redonda – RJ, classificou-se em terceiro lugar no arremesso de Dardo.

Atletismo em 1972, nos Jogos do Interior do Estado de São Paulo na cidade de São José do Rio Preto, representou Campos do Jordão nos 400 MST e Arremesso de Dardo.

Ainda no Atletismo, nas modalidades de  200 m, 400 m, 800 m, 1.500 m, Salto altura, extensão, triplo, Arremessos de Dardo, Disco e Peso sempre foi destaque, ocupando honrosas posições no pódio, o que ocorreu também no Basquete, Futebol, Futsal, Vôlei e Xadrez.

Se destacou em arremesso do Dardo, com a marca de 44,84 m, pois, quando não era o primeiro, sempre ficava entre os três primeiros, em 1968 segundo lugar e 1969 terceiro lugar nos Jogos Regionais do Vale do Paraíba.

No salto em Altura, conseguiu a marca de 1,65 m, sendo segundo colocado Juvenil nos Jogos Regionais Estudantis do Vale do Paraíba, e consegui, por muito tempo, manter essa marca..

No arremesso de Peso, obteve a marca de 10,89 m. sendo a melhor marca, naquele período em Campos do Jordão, já em arremesso de disco, com a marca de 26,68 mais uma vez Nelson Ladeira também foi destaque.

Voltando no tempo, em 1956 o Professor Douglas, que lecionava Matemática no nosso Ginásio – CEENE, promoveu um torneio de Xadrez, Nelson ficou em 4º lugar, sendo que o primeiro foi Carlos Eduardo Mesquita, 2º Marcio Chaves, 3º Hideto Miura, deixando para trás, o Ameriquinho  e o Chiquinho Richieri, o Jamil Zaiter e o Zé Bráulio, os melhores da época.

Mais tarde o Ameriquinho Richieri, o Prof. Douglas e o Cesário Richieri, com brilhantismo, representaram por muito tempo, Campos do Jordão na modalidade de Xadrez, neste nosso interior de São Paulo.

Em 1958, o Professor Educação Física do nosso Ginásio, Mário Edrinke, promoveu um torneio estudantil, com diversas modalidades, divididos em duas categorias:

Categoria 1  Alunos só do Ginásio e Categoria 2 Alunos do Científico, Alunos do Normal -Professores e Alunos da Serra que estudavam no colégio.

Nesse Curto torneio na categoria do Ginásio, Ladeira classificou-se em primeiro lugar nas modalidades individuais de: 400m, 800m, Arremesso de Peso, Salto em extensão e Salto em Altura.

Na apuração foram confrontadas as melhores marcas entre a categoria 1 com a categoria 2.

Como o Nelson tinha nestas cinco modalidades a melhor marca, ganhou mais cinco medalhas

Em confronto direto da categoria 1 contra a categoria 2 a categoria a qual o Nelson pertencia, conquistou o primeiro nas modalidades de Basquete, Futebol, Futsal, Volei.

Ladeira, a cada competição que participava ia acumulando troféus e medalhas, somente neste torneio ganhou 14 medalhas.

Com a inauguração do Centro Esportivo que leva o nome do seu pai Armando Ladeira, teve o início de uma nova era para o esporte de quadras, principalmente  com a vinda do Serviço Social do Comercio o “SESC”, que veio para Campos do Jordão e promoveu “AS COMERCIADAS”.

O Olavo Sandin, dos Correios e Telégrafos de C. Jordão, convidou Nelson mais o pai , Armando Ladeira, e os dois irmãos Paulo Rios e Sylvio Rios, alem do Efraim Diniz, para formarem a equipe dos Correios nas Comerciadas.

Nesta época, Nelson já organizava times, equipes das mais diversas modalidades e com a colaboração dos seus amigos Walter, Waldir e Norberto Vasconcellos montaram uma equipe, ocasião em que começaram a participar  por, dois anos seguidos dos torneios e sagraram-se Campeões e Bi-campeões.

No terceiro e quarto anos das Comerciadas, Nelson já trabalhava no antigo Banco do Estado de São Paulo – Banespa, onde montou a equipe do E. C. Banespinha de Campos do Jordão, e sagraram-se  Bi Campeões.

Como o Centro Esportivo “Armando Ladeira” estava pronto, novinho em folha, Nelson resolveu montar algumas equipes de futsal, para o E.C.Banespa.

Nelson Ladeira foi também Diretor de Esporte do Abernessia F.C. montando e treinando equipes, tendo sido também Presidente do Esporte Clube Noite do Vale Encantado.

Montou um Infantil e um Juvenil em 1973 e de Volei Feminino.

Tudo caminhava muito bem, tudo preparado para ter-se uma equipe adulta,mas acharam que tinham que trazer uma professora/técnica de Pinda, não deu certo e os times acabaram.

JUDÔ – Campeonato do Vale do Paraíba na Cidade de Pindamonhangaba-SP, em 1968 na modalidade Adulta, categoria da faixa branca/azul, mais uma vez lá estava o Nelson no pódio em primeiro lugar.

No Campeonato do Vale do Paraíba de 1969, na Cidade de Piquete -SP, na Faixa Azul, ficou com o segundo lugar e na Faixa verde ficou  em terceiro lugar do Vale do Paraíba.

Fol promovido a faixa marrom, porém, o  Professor Caio Luiz De Sicco, pediu para ele não aceitar para poder disputar naquele ano na cidade de São Paulo, o Estadual na categoria de faixa verde.

Nas organizações de todos os Jogos de todas as modalidades de quadra, sempre cabia ao Nelson  ajudar outro dos grandes esportistas do passado, o  Antonio Carlos Faria.

Nos Campeonatos locais de Volei e Basquete o trio Nelson, Faria e Luiz Cesário Richieri organizavam equipes, fazendo elas terem forças equivalentes para as disputas e ficavam mais competitivas e emocionantes.

Em 1979 o Prefeito Fausi Paulo, solicitou que o Antonio Carlos Faria, gerenciasse o Esporte Geral e que Ulisses Peçanha, organizasse o Futebol, César de Carvalho ( Ratto ) o Volei, o João Guedes Soares o Basquete, e coube ao Nelson Ladeira o Futsal, que já tinha  uma seleção adulta já formada com uma boa estruturação. Fotos da seleção de futsal com camisa de times. Nelson resolveu montar um FUTSAL com base completa, desde o início, com as categorias de Fraldinha de 06 a 07 anos, Pré-mirim de 08 a 09 anos, Mirim de 10 a 11 anos, Infantil 12 a 13 anos, Infanto-Juvenil 14 a 15 anos, com aulas táticas e técnicas de Futsal para atletas, Juízes, Bandeirinhas, Mesários, Técnicos, enfim, tudo que era necessário para o desenvolvimento do Esporte.

Fraldinha foto 37 Pré Mirim foto 38 Mirim  foto 39 Infantil  foto  40  Infanto Juvenil  foto  41 Juvenil  foto 42

Junho/1981 – quando me mudei para a cidade de São José dos Campos – SP, o Banco do Estado de São Paulo promovia todos os anos, nos finais de semana do mês de julho, em sua sede central em São Paulo, uma integração Esportiva e Cultural entre as suas 40 regiões do Brasil todo.

Todos os seus funcionários participavam. De 1982 a 1983 eu coordenava uma destas Regiões, em todas as suas 37 modalidades. A primeira região que fui o coordenador Geral, foi a  Região 10, que era de Jacareí até Taubaté, mais a região da Serra da Mantiqueira e Litoral Norte do Estado de São Paulo.

Em 1984, fui transferido para a segunda região. Era a Região 40, de Pindamonhangaba a Queluz.

Em 1985 a 1988 fui responsável para organizar todas as modalidades das duas Regionais juntas. (RG-10 e RG-40 juntas) – O vale do Paraíba inteiro.

Ladeira fez questão de informar que sempre esteve junto no esporte com outro grande esportista, Efraim Diniz, companheiro e amigo em todas as seleções, infantil, juvenil, adulta e veterana, nas modalidades de Volei e Basquete da sua época, desde 1958 até 1981.

Residindo há 17 anos em Piracicaba-SP, completados esse ano 2015 e depois de ter ficado parado sem jogar, só organizando desde 1988, voltou a participar dos Jogos Regionais do Idoso, na modalidade de “VOLEI DA TERCEIRA IDADE”, na categoria acima de 60 anos, e conquistou o terceiro lugar da Região. Agora em 2015, com 71 anos pode participar nas duas categorias, acima de 60 ou acima de 70 anos.

Agora, com mais de  setenta anos, está aprendendo a nadar num curso oferecido pela Prefeitura de Piracicaba, às  pessoas da terceira idade e vem se destacando no Esporte naquela cidade.

Nelson Ladeira, por tudo que fez pelo esporte jordanense e por ainda, como exemplo digno de perseverança e amor ao esporte, merece ter seu nome registrado para sempre nos anais da história e assim figurar em Momentos de Glória do Nosso Esporte.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

Leave a Comment