Operação da polícia de SP apreende cerca de mil celulares

Ação do Deic tem o objetivo de combater esquema de recepção de celulares roubados

Policiais do Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais) deflagraram na manhã desta terça-feira (21) a Operação Off Line 2, para combater um esquema de receptação de celulares roubados operado por estrangeiros. Na ação, dois homens já foram presos e quase 1 mil aparelhos foram apreendidos, entre celulares, tablets e notebooks.

A operação tem como objetivo atingir a estrutura do grupo criminoso, que geralmente envia parte dos aparelhos furtados e roubados para o continente Africano, especialmente para Senegal, e mantém a outra metade no mercado interno. A quadrilha escolhe países da África pelo fato do bloqueio das operadoras nacionais não atingir as operadoras de lá, possibilitando o uso dos aparelhos

As equipes cumprem 15 mandados de busca e apreensão em endereços no centro de São Paulo. Segundo as investigações da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, os aparelhos podem ter sido subtraídos durante grandes eventos que ocorreram nos dois últimos finais de semana e feriados em São Paulo e Rio de Janeiro.

A operação é coordenada pela 1ª Delegacia DIG (Antipirataria). Os 50 policiais que participam da operação cumprem mandados na rua dos Guaianazes, no Largo do Arouche, e na avenida da Liberdade.

Pesquisa aponta: Compras de Natal serão feitas na Black Friday

Celebrando a Gratidão: Grupo Ganso e Chateau La Villette promovem jantar de ação de graças