Depois de nove anos, Pastor Silvio Parraga se despede de Campos do Jordão

A Igreja Metodista de Campos do Jordão realizou, na manhã do último domingo, 21 de janeiro, um comovente culto de despedida do pastor Silvio Augusto Parraga, que depois de nove anos, deixou a igreja local para assumir uma outra unidade, desta vez na capital paulista.

Nascido em Itajubá, MG, em 1965, teólogo e professor, pastor Silvio, como ficou conhecido, chegou a Campos do Jordão no dia 01 de fevereiro de 2015 na companhia da esposa, a psicóloga Sirlene, e dos filhos Caio e Carina, substituindo o pastor Marcelo Arruda.

Com o tempo, a família Parraga conquistou o coração e a amizade não só dos membros da igreja, como também daqueles com quem, por motivos profissionais ou pessoais, estabeleceram relações.

Suporte espiritual, para quem nos dá segurança no dia-a-dia.

Entre suas ações mais destacadas durante seu pastorado, pastor Silvio desenvolveu importante trabalho de evangelização e suporte espiritual às forças públicas de segurança da Cidade, além de ter presidido o Conselho Municipal de Pastores.

Em sua gestão, foram publicados dois livros sobre a trajetória da Igreja Metodista, reconhecida como a mais antiga igreja protestante de Campos do Jordão, tendo iniciado suas atividades em 1942.

Pastor Silvio recebeu, da Câmara Municipal, o título de Cidadão Jordanense em reconhecimento ao seu trabalho à frente da igreja.

Formado por fieis da igreja, autoridades municipais, pastores e amigos, o numeroso público que compareceu ao culto para abraçar e homenagear o pastor são a prova inconteste do carinho e da consideração que a família amealhou enquanto residiu na Montanha Magnífica.

Colaborou: Benilson Toniolo

Serra antiga da tamoios interditada devido ao grande volume de chuvas

Semana de chuvas intensas e friozinho gostoso até o final de semana em Campos do Jordão